Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Será que ainda há quem vote nos programas de TV?

por araparigadovestidoazul, em 29.12.15

Foi com alguma tristeza que no domingo à noite assisti ao The Voice Portugal na RTP1. Ontem reparei nas redes sociais que afinal não era a única.

Na verdade, foram três as saídas que me deixaram um pouco triste, foi a da Filipa Azevedo, a Albina e o Pedro. Além deles, os meus favoritos também eram o Alfredo, a Deolinda e a Patrícia. 

Fiquei completamente boquiaberta quando o Anselmo escolheu a Joana, aliás nem a própria acreditava. Esperava que ele escolhesse a Albina ou a Filipa mas nunca a Joana. Não tenho nada contra ela, mas na verdade acho que as outras duas cantam muito mais.

É verdade que "se calhar" a Filipa não brilhou assim tanto com o "Hello", mas vamos por partes, quantos foram os portugueses que votaram pelo que viram nas atuações de ontem? Muitos poucos, porque a maior parte das votações ocorreu durante o dia e muito antes deles atuarem, por isso, não se podia olhar SÓ para a atuação de ontem.

Depois foi a saída do Pedro e da Albina. Algumas pessoas dizem que isto é tudo feito pelo programa, que já estão a levar concorrentes ao colo, etc. Durante muito tempo não acreditava que isso fosse possível, mas hoje em dia acho que em todos, mas todos os programas as coisas acontecem por algum motivo. Seja no The Voice, Casa dos Segredos, Quinta, Ídolos ou outro qualquer, existem objectivos, são as audiências, são os interesses televisivos, seja o que for. E quem ganha não é necessariamente quem merece.

Mais uma vez fico decepcionada com este tipo de programas. Mas enfim, neste momento pelo menos já sabemos que a Deolinda é a vencedora. É duro para os outros concorrentes, mas é a verdade.

 

Tags:

publicado às 09:29


2 comentários

De marta-omeucanto a 29.12.2015 às 09:53

A Deolinda é uma forte candidata a vencedora, e eu preferia que fosse ela ou a Patrícia a ganhar. Mas será que será mesmo ela a escolhida, ou estarão a guardar a surpresa para a final, para ganhar o Pedro? É que, depois destas últimas escolhas, já nada me espanta. Tanto o Ricardo Mestre como o Pedro Maceiras mereciam ter continuado. A Filipa Azevedo idem. O Pedro, da equipa do Anselmo, está lá nem sei bem como, porque era o mais fraco da equipa. Mas foram buscá-lo para participar só porque perdeu a mãe e na edição anterior não foi escolhido, inseriram-no numa das equipas, quando já estavam cheias e não podiam escolher mais ninguém, tendo mandado boas vozes para casa, e tem sobrevivido a cada fase. Com a campanha que por aí vai para votarem nele, não me admirava nada que ele ainda viesse a ganhar o programa.

De araparigadovestidoazul a 29.12.2015 às 23:03

A historia do Pedro é muito triste e por mais pena que tenha dele este é um programa em que se avaliam boas vozes e não histórias de vida, por isso, acredito que seja a Deolinda porque também me pareceu que tem muita gente a gostar dela, embora eu goste muito da Patrícia , mas só esperando para ver.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Links

  •  

  • Muitas das imagens publicadas no blog são retiradas da internet. Caso alguma tenha direitos de autor agradeço que me informe para o email araparigadovestidoazuli@gmail.com para retirar a imagem o mais rápido possível. Obrigada